26 junho 2020

Sabará - o que fazer nesse Destino Brasileiro


Descubra todos os incríveis atrativos de Sabará, uma das cidades mais charmosas do Caminho do Sabarabuçu na Estrada Real.



Sabará - o que fazer nesse Destino Brasileiro 




Sabará é um destino brasileiro situado em Minas Gerais. Esse município tem um centro histórico bem charmoso, e nem tanto pacato, situado bem próximo a Belo Horizonte. Sua origem é bem antiga, e data dos idos de 1647 quando a bandeira de Fernão Dias adentrou a essas terras.

Sabará -  que fazer nesse destino brasileiro

A partir de 1700 o Arraial já possuía grande importância, tornando-se um centro comercial diretamente conectado a toda a dinâmica da Estrada Real. Está inserida no Caminho do Sabarabuçu, juntamente aos municípios de Caeté e Rio Acima, Glaura (distrito de Ouro Preto) e Cocais (distrito de Barão de Cocais).

Sabará - o que fazer nesse Destino Brasileiro - Centro histórico

Você vai percorrer a Estrada Real no período pós-pandemia? Aproveite e veja  Como tirar o passaporte da Estrada Real  e todas as dicas que damos nos posts do nosso projeto As Expedições em Família pela Estrada Real.

Agora, conheça algumas curiosidades da cidade que vão te motivar, ainda mais, a conhecê-la. Sabará foi a maior Comarca da Capitania de Minas no século XVIII. Ela possui a única Casa de Intendência e Fundição ainda de pé no país, e é uma das raras urbes mineiras que ainda possui as três fases do Barroco.

Como chegar a Sabará

O município de Sabará está localizado a menos de 14km do centro da capital mineira. Para chegar lá, você pode facilmente fazer uso de Táxi, carro por aplicativo ou de transporte público (pela linha 4988, partindo da Rua Caetés). Se precisar alugar um carro, use o Rentcars para te ajudar. Veja a localização no mapa.

 


Mas, o que fazer em Sabará? Vamos às dicas!


O que fazer em Sabará - Visitar o Centro Histórico 
Sabará - o que fazer nesse Destino Brasileiro - Centro histórico

Casario do Centro Histórico de Sabará

Sabará - o que fazer nesse Destino Brasileiro - Centro histórico

A cidade apresenta um centro histórico preservado, com belos templos históricos em traços arquitetônicos e ornamentais de estilos que vão do barroco ao rococó. O conjunto de casario levantado no período da colonização, no qual estão incluídos alguns lindos casarões, também se encontram preservados. A urbe é tão charmosa que propicia todo um cenário para fotografias externas de casamento.

Casario centro histórico de Sabará - o que fazer

Nesse conjunto também se faz presente exemplares que remetem à arquitetura das primeiras décadas do século XX. Assim, andar pelas ruas de pedra admirando e fotografando esse rico acervo arquitetônico é algo bem fascinante.

Conjunto Arquitetônico da Rua Dom Pedro II, a antiga Rua Direita em Sabará 

Sabará - o que fazer nesse Destino Brasileiro - Centro histórico

A antiga Rua Direita é também um local que deve ser visitado. Ela foi a mais importante da Vila do Sabará, onde se concentravam as edificações mais relevantes e imponentes como o Solar do Padre Correia, o Sobrado de Dona Sofia e a Casa da Ópera, hoje Teatro Municipal. A atual toponímia do logradouro foi uma homenagem ao Imperador Dom Pedro II. Hoje ela abriga boa parte do comércio e serviços. Seu conjunto arquitetônico foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

Teatro Municipal de Sabará

Sabará - o que fazer nesse Destino Brasileiro - Teatro Municipal

A antiga Casa da Ópera, inaugurada em 1819, é o segundo teatro mais antigo do Brasil, em funcionamento. Seus traços arquitetônicos são de influência dos teatros ingleses do Reinado de Elizabeth I. Justamente por isso, a edificação é conhecida por Teatro Elizabetano. Internamente, sua arquitetura tem influência italiana, com camarotes dispostos em três galerias. A Casa recebeu as visitas de Dom Pedro I em 1831 e Dom Pedro II em 1881. Há relatos dessa visita em documentos da época no Arquivo Histórico da Casa Borba Gato, onde já tivemos o privilégio de trabalhar. A antiga Casa da Ópera foi recentemente revitalizada.

Endereço: Rua Dom Pedro II, s/n - Centro, Sabará.
Funcionamento: Domingo a sábado, de 9 às 18 h.
Entrada: Gratuita

Casa Azul de Sabará

Sabará - o que fazer nesse Destino Brasileiro - Casa Azul

A Casa Azul é outro imponente exemplar situado na antiga Rua Direita e integra o Conjunto Arquitetônico da Rua Dom Pedro II, tombado pelo IPHAN. Pouco se sabe sobre essa edificação, mas as fontes revelam que ela foi propriedade do abastado e influente Padre Antônio Correia da Silva, que ali viveu no século XVIII. O que mais encanta o turista observador quando caminha por ali, é a sua fachada com essa linda porta em almofadas. Uma portada trabalhada com molduras ladeada pelas janelas com sobrevergas em arco abatido, também emolduradas.
Endereço: Rua Dom Pedro II, 215. Sabará.
Funcionamento: O bem é propriedade privada e não está aberta a visitação interna. Porém, é permitido fazer diversas fotos de sua fachada.

Solar do Padre Correia em Sabará

Essa é mais uma edificação imponente instalada na Rua Dom Pedro II. Foi construída nos idos de 1770 e também pertenceu ao Padre José Correia da Silva. A imponência do Solar se revela ainda mais em seu espaço interno. De especial a propriedade possui uma sala-capela com talha da terceira fase do barroco mineiro, um pátio interno típico de fazendas do período, uma escadaria trabalhada em jacarandá, e belos painéis ornamentais em seus salões do piso inferior. O Solar funciona como sede da Prefeitura Municipal de Sabará e está passando por um processo de revitalização de toda sua estrutura.
Endereço: Dom Pedro II, 200, Sabará.
Funcionamento: segunda a sexta feira, de 8 às 17h.
Entrada: Gratuita

Casa Borba Gato - Centro de Memória do Museu do Ouro de Sabará

Sabará - o que fazer nesse Destino Brasileiro - Arquivo Borba Gato
A Casa Borba funciona como arquivo e resguarda uma rica documentação cartorial dos séculos XVIII ao XX de grande valor histórico.  Sua edificação é datada de meados do século XVIII e seu nome deve ao fato de a Câmara Municipal ter renomeado, no ano de 1911, a rua onde está instalada. O logradouro e a edificação ficaram com o mesmo nome. Borba Gato foi o bandeirante paulista que desbravou a região do Rio das Velhas, onde está a cidade. Temos um carinho muito especial pelo imóvel, foi lá que iniciou a nossa carreira de Historiador.
Endereço: Rua Borba Gato, 71. Sabará.
Funcionamento: Segunda a sexta-feira, de 9 às 15h.
Entrada: Gratuita

Casa de Câmara e Cadeia de Sabará

O prédio da antiga Câmara e Cadeia é outro belo e imponente exemplar da arquitetura do século XIX da cidade. Exerceu essa função do final do século XIX até o ano de 1924. Até hoje mantém as características arquitetônicas de câmara e cadeia. Atualmente, o prédio funciona como Biblioteca Pública Municipal.
Endereço: Rua da República, 58. Sabará.
Funcionamento: Segunda a Sexta-feira, de 8 às 17h

O que fazer em Sabará - Visitar os Chafarizes Históricos 

Importantes para o abastecimento de água em todas as Vilas da Capitania de Minas, os chafarizes se fizeram presentes no cotidiano da população colonial.
Chafariz do Rosário - O que fazer em Sabará - visitar os chafarizes

Chafariz do Rosário de Sabará

O Chafariz do Rosário integra o conjunto arquitetônico da Praça Melo Viana, onde se situa a Igreja de Nossa Senhora do Rosário. Ele é datado de 1752, possui um belo desenho e foi bem trabalhado em seus detalhes ornamentais, a coroa e o escudo imperiais, esculpidos em pedra-sabão de pedra. Em nossa opinião, é o chafariz mais belo da cidade.
Endereço: Praça Melo Viana, s/n. Sabará.
Funcionamento: diariamente, 24 horas.

Chafariz da Confraria 

Esse chafariz está bem perto da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição. É datado do século XVIII e foi construído em alvenaria de pedra. Quanto ao seu nome, a hipótese é de que esteja ligada à Irmandade (Confraria) do Amparo, que desempenhava as suas atividades na Matriz.
Endereço: Praça Getúlio Vargas, s/n. Sabará.
Funcionamento: diariamente, 24 horas.

Chafariz do Caquende

Esse é o Chafariz mais famoso da cidade. Construído em 1757, abastece desde então Sabará, e sua água vem da nascente do Morro de São Francisco. O termo Caquende significa, em tupi-guarani, “água cristalina que dali brota”. De acordo com os relatos da oralidade, “todo aquele que bebe de sua água sempre volta a Sabará”. Será? Quando estiver por lá, beba da água! 😃
Endereço: Rua São Pedro, s/n, Sabará.
Funcionamento: diariamente, 24 horas

Chafariz da Corte Real

Esse chafariz foi construído, possivelmente, em 1809, data inscrita em sua fachada. Foi edificado em alvenaria de pedra e de fatura muito simples, possui uma o desenho da coroa imperial. O local onde se encontra também já foi o Largo de São Pedro, Largo da Corte Real, e o Largo do Comércio.
Endereço: Praça Bueno Brandão, s/n, Sabará.
Funcionamento: diariamente, 24 horas

O que fazer em Sabará - Visitar os Museus Históricos 


Museu do Ouro de Sabará

Museu do Ouro - O que fazer em Sabará - visitar os Museus

O prédio onde funciona o Museu do Ouro foi a antiga Casa de Intendência e Fundição. Ele é o único exemplar, ainda de pé no Brasil, que apresenta tais características. A antiga Casa de Intendência foi levantada no início do século XVIII com uma arquitetura rústica. Em seu pavimento superior, que serviu de residência para o Intendente, abriga um precioso acervo de peças de mobiliário e arte sacra. No térreo estão resguardadas peças ligadas ao processo de extração, fundição, cunhagem e controle do ouro. O Museu, cujo acervo está totalmente relacionado ao ciclo de ouro nas Minas, é incrível e vale muito a visita!
Endereço: Rua da Intendência, s/n, Centro – Sabará/MG.
Funcionamento: Terça a Sexta-feira e feriados das 10h às 17h; Sábados e domingos das 12h às 17h
Entrada: Paga (porém, à época em que revisitamos o espaço (nov/2019), a entrada estava sendo Gratuita)

Museu de Artes Sacras de Sabará

O Museu de Artes Sacras funciona como anexo da Igreja de Nossa Senhora do Rosário. Ele abriga objetos sacros, com imagens e crucifixos que remetem aos séculos XVIII e XIX. Tais peças são, em sua maioria, provenientes da Igreja Santa Rita (demolida em 1939). Acredita-se que algumas peças sejam de Aleijadinho. Como não há registros não é possível afirmar a autoria das peças.
Endereço: Praça Melo Viana, s/n, Anexo à Igreja do Rosário, Sabará.
Funcionamento: Terça- feira a Domingo, de 8 às 17 h (o Museu está aberto a partir das 10 h).
Entrada: Paga

O que fazer em Sabará - Visitar os Templos Históricos

Sabará - o que fazer - visitar igrejas históricas
Sabará tem um riquíssimo acervo arquitetônico quando se trata de suas igrejas históricas. São templos lindos datados de a partir do século XVIII, com um arquitetura e ornamentação que vão das três fases do barroco ao rococó. Entre elas destacamos a Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, Igreja de Nossa Senhora do Carmo e Igrejinha do Ó. Saiba mais sobre todas elas, localização, histórico e curiosidades em nosso post Conheça as mais belas Igrejas Históricas de Sabará .


O que fazer em Sabará -  Desfrutar do Turismo de Experiência 

Gastronomia de Sabará

Sabará- o que fazer - Gastronomia
Que a gastronomia mineira é rica e criativa, não é novidade para ninguém. Sabará, além de ser reconhecida como a Cidade referência da Cozinha Mineira (Abrasel), é conhecida como a Terra da Jabuticaba e do Ora Pro Nobis. O município realiza dois festivais gastronômicos por ano, o Festival da Jabuticaba (outubro/novembro) e o Festival do Ora Pro Nobis (maio) realizado no bairro Pompéu. Assim, que tal viver a experiência de saborear as delícias criativas desenvolvidas pelos sabarenses?
Da jabuticaba a população fabrica geleia, licor, molho, compota, diferentes doces e até salgadinhos recheados. Do Ora Pro Nobis vem diversos pratos principais e de acompanhamento, como frango com Ora Pro Nobis, em substituição ao quiabo, bolinhos, pasteis, até sorvete, entre outros. Os restaurantes com a culinária mineira e típica da cidade também são destaques que merecem atenção.

Artesanato e Arte de Sabará

O que fazer em Sabará - arte e artesanato
Divulgação: Pref. Sabará
Sabará é a terra da Renda Turca de Bicos e da Palma Barroca, patrimônio imaterial. Das mãos habilidosas dos artesãos saem lindas peças. Os artistas da cidade também produzem peças de madeira como oratórios, imaginárias, e as igrejinhas da cidade. Essas peças podem ser adquiridas nas lojas de artesanato do centro histórico, na Rua Borba Gato. 

Ecoturismo em Sabará

Chácara do Lessa - O que fazer em Sabará
O ecoturismo vem se desenvolvendo, há alguns anos, na cidade, sendo praticado principalmente no bairro Pompéu e nas localidades às margens da Estrada Real. Nessa ambiência propícia é possível praticar, junto à natureza, caminhadas, mountain bike, trekking, Boulder, além de passeios a cavalo. Ademais, a cidade possui opções como o Parque Natural Municipal Chácara do Lessa, o Bosque Alfredo Machado e o Parque Eco pedagógico Quinta dos Cristais.

Onde comer em Sabará

Pelo centro histórico, indicamos a Padaria Vila Real para aquele lanchinho, o Restaurante 314 e Sabarabuçu, Cê-Qui-Sabe Restaurante e Pizzaria para o almoço e uma boa pizza pela noite. No entorno imediato há lanchonetes, Choperias, Hamburguerias e outros restaurantes.
Padaria Vila Real - Endereço: Rua Dom Pedro II, 312, Sabará.
Restaurante e Pizzaria 314 e Sabarabuçu - Endereço: Rua Dom Pedro II, 279, Sabará.
Cê-Qui-Sabe Restaurante e Pizzaria - Endereço: Rua Mestre Caetano, 56, Sabará.

Onde se hospedar em Sabará

Como já comentamos, a cidade de Sabará fica bem próxima à capital mineira, dando para fazer aquele famoso Bate Volta. Porém, se você quiser passar mais dias por lá, há opções bacanas de hospedagem. Faça a sua busca pelo Booking.com e encontre a melhor hospedagem com o menor preço.

E por falar em Bate Volta, conheça o nosso post que virou Guia Bate Volta a partir de Belo Horizonte - 25 Destinos incríveis para visitar.

Clique na imagem e baixe o seu e-book GRÁTIS!


 Salve essas dicas em seu Pinterest!



Até a próxima Expedição em Família!

Este post faz parte de uma blogagem coletiva com o tema Destinos no Brasil. Conheça os blogs participantes.

Destinos por onde andei... - O que fazer no Santuário do Caraça? 
Dani Turismo - Onde viajar no Brasil?                                          
Vamos Viajar pra onde agora - O que fazer em Foz do Iguaçu 
  1. Ainda não conheço Sabará, mas deu vontade... Fiquei curiosa com o sorvete de Jabuticaba. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Polliana, você definitivamente vai amar essa cidade tão charmosa. Programe-se para os próximos festivais da Jabuticaba e do Ora Pro Nobis para experimentar as iguarias, quitutes e os sorvetes! Obrigada pela visita ao blog!

      Excluir
  2. As cidades da Estrada Real são encantadoras né?! Estou doida para pegar o carro e percorrer todas elas. Amei sua dica sobre Sabará.

    ResponderExcluir
  3. Que coisa mais lindinha esse casario do Centro Histórico de Sabará!
    Fiquei feliz de saber que Sabará fica assim tão pertinho de Belo Horizonte, opção excelente para um bate-volta.

    ResponderExcluir
  4. Muito bacana essas dicas do que fazer em Sabará! Adorei essas construções antigas, com certeza uma cidade que quero visitar em breve.

    ResponderExcluir
  5. Deyse, amei esse post, não conhecia Sabará, mais um destino no Brasil para minha listinha. já salvei todas suas dicas do que fazer na cidade.

    ResponderExcluir
  6. Acho Sabará uma destino brasileiro super charmoso! Adorei essa lista sobre o que fazer na cidade. Me deu uma vontade enorme de voltar. Tem lugares que ainda não conheci! Amei esse post!

    ResponderExcluir
  7. Que cidadezinha mais fofa. Já quero conhecer na minha próxima ida a Minas!

    ResponderExcluir
  8. Adorei essa cidade! E que post mais completo sobre o que fazer em Sabará. Já quero poder voltar a viajar só para conhecer essa graça de cidade. Obrigada por compartilhar.

    ResponderExcluir
  9. Eu moro tão pertinho e não sabia que Sabará tinha tanto a oferecer. Linda cidadde!

    ResponderExcluir
  10. Impressiona a grandiosidade dos cenários históricos nestes caminhos da Estrada Real!! E...vocês seguem neste lindo trabalho de mostrar o conjunto de belezas! Incrível Sabará!!!

    ResponderExcluir
  11. Quanta coisa incrível para se ver, fazer, comer, comprar e se encantar em Sabará. Sou apaixonado por lugares assim repletos de história e beleza. A arquitetura da cidade me encantou!

    ResponderExcluir
  12. Adoro estas cidades pequenas e cheias de charme. Com sorvete de sabores diferentes melhor ainda. Tenho acompanhado os teus post sobre a Estrada Real, e lugares como Sabará tem me deixado bem curiosa em fazer o caminho.

    ResponderExcluir
  13. Eu sou suspeita para falar de Minas Gerais, pois sou mineira e amo meu estado. Já fui em todos as cidades históricas quando era adolescente, viajamos muito em família, foi muito bom relembrar!

    ResponderExcluir
  14. Não conheço Sabará mas adorei as dicas sobre o que fazer por lá. Cidade referência da comida mineira? JÁ NECESSITO VISITAR! É a gastronomia brasileira que mais gosto.

    ResponderExcluir
  15. Minas é mesmo linda! Adorei saber mais sobre Sabará, fiquei encantada com a Casa Azul e com a arquitetura antiga tão conservada. Parece uma ótima opção para um bate-volta de Belo Horizonte, por ser tão pertinho. E só por saber que é referência em comida mineira já me deu água na boca, eu AMO comida mineira!!

    ResponderExcluir
  16. Conheço essa cidade linda e fiquei muito feliz de vê-la muito bem apresentada neste post. Pretendo voltar a cidade e como tomei a água do chafariz Caquende, tenho certeza que voltarei.

    ResponderExcluir
  17. o caminho da Estrada Real é maravilhoso! Fui algumas cidades há 4 anos atrás e tenho muita vontade de conhecer as cidades menores, como Sabará! Adorei as dicas!

    ResponderExcluir
  18. Adorei a dica de o que fazer em Sabará. A cidade é uma graça e o que mais me encantou que é um passeio bem fácil de fazer a partir de Belo Horizonte! Para quem não tem oportunidade de conhecer cidades históricas como Tiradentes, Sabará me pareceu uma ótima alternativa para conhecer a arquitetura e cultura mineira.

    ResponderExcluir
  19. Muito bom o post
    Deyse! Não conhecia Sabará e já fiquei com vontade. Adoro cidades históricas. Achei curioso a quantidade de chafarizes! Fiquei com vontade de fazer este tour gastronômico!

    ResponderExcluir
  20. Que destino mais lindo a cidade de Sabará, tão pertinho de Belo Horizonte, amo cidades histórias, mais ainda quando são bem preservadas, e essa aí achei fofa demais,

    ResponderExcluir
  21. Sou apaixonada por Minas e suas cidadezinhas. Não sabia que Sabará tinha tanta coisa p ver. Já vou planejar um pulo lá quando for possível ! Adorei!

    ResponderExcluir
  22. Eu paquero Sabará faz um bom tempo! Percorri alguns trechos da Estrada Real, fui pra Belo Horizonte e não fui a Sabará, acredita? Estou devendo essa visita e agora com suas dicas vou aproveitar muito mais! E agora que eu sei que é a terra da jabuticaba (que amo! ), já sei até em que mês ir! 😅 Post maravilhoso!

    ResponderExcluir
  23. Moro em Belo Horizonte e até hoje não fui passear em Sabará, embora deseje muito. Está aí um programa que quero fazer em breve com a família. Amei suas dicas, obrigada.

    ResponderExcluir
  24. Tharsila Fernanda7 de julho de 2020 11:13

    Que dicas maravilhosas para Sabara! Amei as fotos do teatro municipal. Bem rustico. vou incluir nas minhas cidade em Minas para visitar.

    ResponderExcluir

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search