18 maio 2020

Manaus - o que fazer na antiga “Paris dos trópicos”

Largo de São Sebastião - Teatro Amazonas - Manaus

Já pensou em se hospedar em plena selva amazônica? Descubra agora todos os incríveis atrativos de Manaus e região.




Manaus - o que fazer na antiga “Paris dos trópicos” 



Manaus é uma capital linda, cheia de atrativos que desconhecíamos quase que totalmente. É uma pena a situação atual da cidade por conta das consequências da COVID-19. Porém, não falaremos disso aqui.

Nosso intuito é ser mensageiro da paz, mostrar as belezas de Manaus para que você saiba, desde já, o que você precisa conhecer nessa cidade, quando tudo isso passar, porque vai passar! E quando tudo passar, incentivamos aqui e agora um passeio por essa capital cheia de história e cultura.
Estivemos na antiga “Paris dos Trópicos” por alguns dias a trabalho. Porém, fizemos um levantamento dos principais pontos turísticos e, durante um intervalo e outro, conseguimos desfrutar de alguns deles. Vamos às dicas!

Amazon Bus em Manaus

Para começar, uma dica muito bacana de se conhecer a capital do Amazonas é fazer uso do Amazon Bus. É uma forma de se conhecer, de uma maneira mais geral e rápida, os principais pontos turísticos da cidade. O passeio dura, em média, duas horas e meia.
Tucunaré Turismo - Amazon Bus
Amazon Bus - Imagem: Divulgação site Tucunaré Turismo
O itinerário começa no centro histórico de Manaus, privilegiando os grandes pontos históricos, indo até a Praia da Ponta Negra. Depois de uma única parada de alguns minutos por lá, o bus segue o roteiro até a Ponte do Rio Negro.  
Para suportar o imenso calor, os ônibus são climatizados e dá pra se ter uma boa visão de todo o passeio quando se está no segundo andar. Estivemos por lá no mês de dezembro e imagina o calor que enfrentamos! Para informações atualizadas sobre o passeio, acesse o site.
Esse passeio otimiza bem a programação, pois já nos dá uma prévia e visão geral da cidade e, depois, com mais tempo, fica mais fácil encontrar os pontos turísticos de interesse e passar mais tempo em cada um deles.

Centro Histórico de Manaus


Largo de São Sebastião e o Monumento à Abertura dos Portos do Amazonas em 1900 e simboliza os 4 continentes
Centro Histórico - Largo de São Sebastião
Manaus, no auge do Ciclo da Borracha, ficou conhecida como a Paris dos Trópicos. As riquezas obtidas através da extração desse produto trouxeram novos ares à capital do Amazonas, a “Belle Époque”. E grande parte de sua arquitetura, em especial na região central e muito turística, foi inspirada nos traços arquitetônicos franceses. Isso é perfeitamente notável quando se mira para o Teatro Amazonas.

Centro Histórico - Largo de São Sebastião
Centro Histórico - Largo de São Sebastião

Esse trecho da cidade consegue reunir um grande conjunto arquitetônico e histórico bem preservado, sendo o mais antigo, datando de sua época de fundação. São exemplares edificados a partir do final do século XIX e que retratam bem a riqueza no período da borracha. 

Largo de São Sebastião 


Largo de São Sebastião e o Monumento à Abertura dos Portos do Amazonas em 1900 e simboliza os 4 continentes
Largo de São Sebastião e o Monumento à Abertura dos Portos do Amazonas
Localizado no centro histórico de Manaus, o Largo de São Sebastião é um dos pontos turísticos mais antigos e também frequentado da capital amazonense. Ali e em seu entorno imediato, instalados no casario antigo, se encontram restaurantes, bares, museus e centros de cultura, além de belos casarões e manifestações artísticas e culturais. 

Destacam-se no local a Igreja de São Sebastião, o Teatro Amazonas, o Centro Cultural Palácio da Justiça, e, ao centro, o Monumento à Abertura dos Portos, do escultor italiano Domenico de Angelis. O calçamento da praça foi inaugurado em 1901 com ladrilhos portugueses.
Endereço: Rua 10 de Julho – Centro Histórico de Manaus.

Igreja de São Sebastião de Manaus


No Largo de São Sebastião também se encontra a Igreja homônima, levantada a partir dos idos de 1868. Possui traços arquitetônicos ecléticos, com detalhes que remetem ao gótico e ao neoclássico. Internamente há painéis e belos vitrais europeus.

Igreja de São Sebastião de Manaus
Igreja de São Sebastião no Largo homônimo
As camadas pictóricas que cobrem o teto até o altar têm origem italiana. É um exemplar da arquitetura religiosa bem interessante em Manaus, pois foi construída com apenas uma torre e sobre isso, há algumas teorias que tentam explicar. Vale a pena a visita para descobrir tais teorias. Foi tombada como Monumento Histórico Estadual em 1988.
Endereço: Rua 10 de Julho, Largo de São Sebastião, Centro Histórico.

Teatro Amazonas em Manaus 


O Teatro Amazonas é um grande símbolo cultural e arquitetônico, um cartão postal do Estado e da cidade. Ele foi construído no final do século XIX e inaugurado em 1896, no auge do Ciclo da Borracha, com traços arquitetônicos do período da Belle Époque para ser a Casa da Ópera. O edifício foi tombado como patrimônio nacional em 1966.
Clique na foto para salvar esse
https://br.pinterest.com/pin/652881277220661394/?nic_v1=1aBIVUjQr4yf8YoxmO67is97sRAveA%2FqoRccramfcDZkSjHSJ13Q0prj0zlpsL3Kg7

Sala de Espetáculos do Teatro Amazonas - ManausO Teatro Amazonas conserva boa parte de sua decoração e arquitetura original, pinturas no teto e nas laterais, mobiliários, ladrilhos nos pisos e objetos de época. Grandes artistas europeus como Domenico de Angelis, Giovani Capranesi e Crispim do Amaral, foram os responsáveis pelas impressionantes pinturas do Salão Nobre e da Sala de Espetáculos.
Uma curiosidade bacana é que a cúpula do teatro é formada por 36 mil peças de escamas em cerâmica esmaltada e telhas vitrificadas, que representam a bandeira brasileira.  Outra curiosidade é a maquete abaixo, feita com mais de 30 mil peças na Dinamarca em 1960.

Maquete do Teatro
Optamos por fazer uma visita guiada, pois faz toda a diferença para se conhecer bem o espaço. É um passeio imperdível que ninguém pode deixar de visitar. Além disso, você pode também assistir a grandes espetáculos em seu interior, com ingressos comprados à parte.
Endereço: Av. Eduardo Ribeiro, 659. Centro, Manaus.
Funcionamento: De terça a Sábado, das 9h às 17h. Domingos, das 9h às 14h.
Entrada: Pago. Amazonenses não pagam.
Para informações atualizadas acesse o site

Galeria do Largo em Manaus


O Centro de Artes Visuais Galeria do Largo está inserido do Largo de São Sebastião. Ele foi inaugurado em 2005 como local para receber exposições das mais diferentes tipologias de artes plásticas de todo o Estado do Amazonas. Ele funciona em um imóvel que foi residência do governador do Estado do Amazonas, Danilo Duarte de Mattos Areosa, em 1942. 
Aproveite e conheça agora um pouco da Galeria através do vídeo.

Endereço: Rua Costa Azevedo, 290. Praça do Largo, Centro, Manaus.
Funcionamento: de terça a domingo, das 14h às 20h.
Entrada: Gratuita.


MUSA do Largo

Esse é um espaço cultural que pertence ao Museu da Amazônia. Está situado no Largo de São Sebastião, em frente ao Teatro Amazonas. Ali ocorrem exposições, conferências, recitais e outras manifestações artísticas e culturais dos povos da Amazônia. 
Endereço: Praça São Sebastião na Rua Costa Azevedo, 272. 
(entrada ao lado da Galeria Amazônica). Centro, Manaus.
Funcionamento: de segunda a sábado, das 9 às 18h.
Entrada: Gratuita


Centro Cultural Palácio da Justiça de Manaus

O Centro Cultural Palácio da Justiça fica bem perto do Teatro Amazonas. Seu prédio foi inaugurado em 1900 e é um relevante exemplar da arquitetura clássica da época do auge do Ciclo da Borracha.
Palácio da Justiça - Largo de São Sebastião - Manaus
Seus traços estruturais se alinham ao estilo renascentista e, internamente detém uma rica ornamentação com traços ecléticos. Esse equipamento cultural, que no passado foi sede do Poder Judiciário, é patrimônio cultural do Estado Amazonas e fomenta manifestações culturais e artísticas. 
Faça uma visita virtual por lá agora.


Endereço: Avenida Eduardo Ribeiro, 90. Centro, Manaus.
Funcionamento: de terça-feira a sábado, das 9h às 17h. Aos domingos, das 9h às 14h
Entrada: Gratuita

Museu da Casa Eduardo Ribeiro de Manaus


Esse museu, inaugurado em 2010, fica bem próximo ao Palácio da Justiça. A edificação foi residência de Eduardo Gonçalves Ribeiro,  ex-governador do Amazonas. O acervo é composto do mobiliário da época e objetos pessoais e peças de arte do político. A exposição permanente tenta recriar o cotidiano da população do final do século XIX e limiar do século XX, época em que viveu ex-governador. Faça agora um passeio virtual por esse Museu.

Endereço: Rua José Clemente, 322. Centro, Manaus.
Funcionamento: De terça a sábado, das 9h às 14h.
Entrada: Gratuita

Palacete Provincial de Manaus


O prédio do Palacete Provincial foi fundado na década de 1870 e funcionou como Quartel da Polícia Militar do Amazonas. No ano de 2009 foi reinaugurado como um espaço cultural, exibindo um riquíssimo e diversificado acervo. Há nesse equipamento cinco Museus. Aproveite e faça uma visita virtual por cada um dos cinco museus do Palacete Provincial de Manaus.
- Museu Tiradentes: rende homenagens corpo de bombeiros e à polícia do Estado, exibindo as vestimentas militares e armas. 

- Museu de Arqueologia: recria escavações e artefatos encontrados na região.

- Museu da Imagem e do Som: acervo constituído de CDs e DVDs para exibição. 

- Pinacoteca: detém uma coleção de quadros, gravuras de artistas locais e fotografias. 

- Museu de Numismática: uma coleção de cerca de 8 mil moedas. 

Endereço: Praça Heliodoro Balbi, s/n. Centro. Manaus.
Funcionamento: De segunda a sexta-feira, das 9h às 15h. Sábados, das 9h às 14h.
Entrada: Gratuita.
Para informações atualizadas sobre a visitação acesse o site.

Museu da Cidade de Manaus


Em entrevista com o poeta Thiago Mello, Manaus
Em entrevista com o poeta Thiago de Mello, Manaus
O Museu da Cidade de Manaus foi criado 1982 e hoje está sediado no Paço da Liberdade, onde funcionava a Prefeitura de Manaus. Trata-se de um edifício de relevância histórica, datado da segunda metade do século XIX, com uma fachada considerada peculiar, remanescente das representações neoclássica no país. O acervo do museu consiste em peças que remetem à história e cultura da cidade e sua gente. Existem as salas dedicas às artes plásticas, arqueologia, Salão nobre, mobiliário em estilo manuelino utilizado no limiar do século XX.


Há também peças e obras que rendem homenagens ao poeta amazonense Thiago de Mello, com quem tivemos o privilégio de trabalhar. Parte do acervo do Museu foi doada pelo autor. A exposição permanente do Museu é denominada “A Cidade de Manaus: História, Gente e Cultura”. Conheça agora um pouco do museu através do vídeo.



Endereço: Rua Gabriel Salgado, Paço da Liberdade. 
Funcionamento: terça a domingo, das 9h às 17h (última entrada às 16h20)
Entrada: Gratuita

Biblioteca Pública do Amazonas em Manaus


Também marcamos presença nesse equipamento cultural, onde pesquisamos mais sobre Barreirinha, terra natal do poeta Thiago de Mello. Trata-se um belo edifício construído na primeira década de 1900 com traços da arquitetura eclética, com predomínio de elementos clássicos. Internamente, a sua bela escadaria inglesa de ferro fundido, forjado em rendilhados se destaca. O local rende belas fotos. O equipamento foi Tombado pelo Patrimônio Histórico Estadual em 1988. Aproveite e faça agora uma visita virtual por lá!

Endereço: Rua Barroso, 57. Centro. Manaus.
Funcionamento: Segunda a sexta, das 08h às 17h.
Entrada: Gratuita

Centro Cultural Palácio do Rio Negro


Palácio do Rio Negro - Manaus

Outro local lindo que rende boas fotografias. O Centro Cultural Palácio Rio Negro foi edificado no início do século XX com traços que remetem ao ecletismo. Foi construído para servir de residência do alemão Karl Waldemar Scholz, um milionário comerciante da borracha. Foi tombado pelo Estado em 1980 e também funcionou como sede do Governo. Hoje os seus salões são utilizados para exposições, recitais e outros eventos culturais. Aproveite e faça agora uma visita virtual por lá!


Endereço: Avenida Sete de Setembro, 1546. Centro, Manaus.
Funcionamento: de terça-feira a sábado, das 9h às 17h e, aos domingos, das 9h às 14h
Entrada: Gratuita

Mercado Municipal Adolpho de Lisboa de Manaus


O Mercado Municipal Adolpho Lisboa é, por si só, uma belíssima edificação com início de construção no final do século XIX. Detém traços arquitetônicos dominantes que remetem ao Art Nouveau. A sua estrutura de metálica foi projetada por Gustavo Eiffel. Sim! O mesmo projetista da famosa Torre Eiffel em Paris.

Ingrid Anne ManausCult - Viva Manaus
Mercado Municipal de Manaus. Imagem: Ingrid Anne/ ManausCult - Divulgação site Viva Manaus

A edificação tombada como patrimônio nacional, se destaca na paisagem do centro histórico, sendo mais um belo exemplar das construções levantadas no auge Ciclo da Borracha. Em seu interior podem ser encontradas diversas iguarias, quitutes, especiarias, frutas, demais vegetais, diversidade de espécies de peixes de água doce e artesanato tão típicos da cultura manauara. Conheça um pouco mais do mercado através do vídeo.

Endereço: Rua dos Barés, 46, Centro, Manaus.
Funcionamento: Segunda a sábado, das 06h às 17h; Domingos, das 06h à 13h.
Entrada: Gratuita

Museu Amazônico da UFAM


O Museu Amazônico faz parte da Universidade Federal do Amazonas. Seu acervo é constituído de peças que remetem à história, antropologia e arqueologia do povo amazonense. Conheça mais do museu no vídeo.

Endereço: Rua Ramos Ferreira, 1036. Centro, Manaus.
Funcionamento: Segunda a 6ª feira, de 8h30 às 11h30 e de 13h30 às 16h30.
Entrada: Gratuita

Centro Cultural dos Povos da Amazônia em Manaus


Centro Cultural dos Povos da Amazônia - Manaus

Centro Cultural dos Povos da Amazônia - Manaus
O Centro Cultural dos Povos da Amazônia (CCPA) é uma oportunidade ímpar de se conhecer um pouco mais da cultura e diversidade amazônica, sobretudo dos povos indígenas, sem precisar sair da capital. 

O espaço oferece um roteiro com muitas exposições gratuitas sobre a cultura, história e economia regional por meio de uma visita guiada. 

Centro Cultural dos Povos da Amazônia - ManausNo Centro estão ainda o Museu do Homem do Norte, as bibliotecas Mário Ypiranga Monteiro e Arthur Reis, a Praça das Bandeiras, o Espaço Rio Amazonas.

Há ainda a exposição “Filhos de Nossa Terra”, com 19 esculturas em homenagem aos diferentes povos do continente americano, feitas pelo artista Felipe Letterstten.  


Ademais, há ainda as ambientações regionais que remetem ao cotidiano cultural amazônico, como o Barracão do Guaraná, Tapiri de Defumação da Borracha, Tapiri do Seringueiro e as Casas do Caboclo e da Farinha.


Centro Cultural dos Povos da Amazônia - Manaus

Outra informação pertinente é que a visita é guiada em português, espanhol e inglês, além de libras. A duração média é de 1h45. Quem tiver passando por Manaus, não deixe visitar, vale muito a pena! 
Você pode também, agora, fazer uma visita virtual por lá!



Endereço: Avenida Silves, 2222. Distrito Industrial I (antiga Bola da Suframa), Manaus.
Funcionamento: De segunda a sexta feira, de 9 às 17h.
Entrada: Gratuita
Para informações atualizadas sobre a visitação acesse o site.

MUSA – Museu da Amazônia em Manaus


O MUSA foi criado em janeiro de 2009 e está situado a cerca de uma hora do centro de Manaus, no interior da Reserva Florestal Adolpho Ducke, ocupando 100 hectares daquelas terras. Ali se encontram, à disposição do turista, exposições, viveiros de bromélias e orquídeas, laboratórios experimentais de serpentes, de insetos e de borboletas, aquários e lago. Além de trilhas pela floresta amazônica e uma torre de 42 metros que possibilita uma vista do dossel das árvores da floresta. Essa é a oportunidade que o turista tem de vivenciar a Floresta Amazônica, entrar em contato com as árvores mais altas e avistar a imensidão dali. O Convite que o MUSA faz aos visitantes é “ver a floresta com um novo olhar. Pensá-la como a pensam os que nela vivem, com suas culturas e modos de sobrevivência e reprodução (Museu da Amazônia)”.  Conheça o MUSA através do vídeo.


Endereço: Av. Margarita (antiga Uirapuru), s/n. Cidade de Deus, Manaus.
Funcionamento: de 8h30 às 17h (o portão de entrada fecha às 16h); de domingo a terça-feira e de quinta-feira a sábado. 
Entrada: Paga. Para valores atuais consulte o site.

Arena da Amazônia em Manaus


A Arena da Amazônia foi resultado dos trabalhos para a realização da Copa de 2014. Uma obra realmente grandiosa, sendo a fachada e cobertura formadas por uma única estrutura metálica. Seu desenho arquitetônico remete a um cesto de palha indígena.  A Arena está situada a cerca de 30 minutos de ônibus do Centro Histórico de Manaus. 
Endereço: Av. Constantino Nery, 5001, Flores. Manaus.
Funcionamento: de terça-feira a sábado. Das 9h às 12h, e das 14h às 17h.
Entrada: Pago. Para informações atualizadas acesse o  site.

Praia da Ponta Negra


A Praia de Ponta Negra fica longe do centro de Manaus, há cerca de uma hora. Está às margens do Rio Negro, situada num bairro nobre da capital do Amazonas. É um local bacana para passear no calçadão, se banhar nessa praia fluvial e desfrutar das belas paisagens que se tem a partir dos mirantes. Ali, ao longo da orla, há quiosques. Veja a localização a seguir.


Além de tudo isso, você pode também optar por fazer diversos passeios que partem de Manaus. Seguem as opções:
Cruzeiro pelos rios Negro e Solimões
Ver o Encontro das Águas
Nadar com os botos
Pescar piranhas
Visitar o Museu do Seringal Vila Paraíso
Visitar as aldeias indígenas
Visitar as Casas de Caboclos
Pousar em um Hotel dentro da Floresta Amazônica 
https://www.booking.com/index.html?aid=193785
Bangalô em meio à Floresta Amazônica. Imagem: Anavilhanas Jungle Lodge/Divulgação site
Faça a sua reserva na caixa Booking abaixo, parceiro do nosso blog, e encontre a hospedagem perfeita para o seu conforto e bolso!
Booking.com

E para todos esses atrativos que partem de Manaus sugerimos que você contrate uma boa agência de passeios, que seja confiável. Por isso mesmo, confira alguns dos passeios que você pode fazer na região e garanta seus ingressos sem fila com nosso parceiro.



E então, já estão com vontade de desbravar a antiga Paris dos trópicos?  Nós já estamos loucos por voltar e desfrutar mais! Deixe nos comentários mais atrativos não listados aqui, que acrescentaremos em nossa lista!
Clique na foto para salvar esse

Para saber mais sobre outros atrativos, roteiros e dicas da Região da Floresta Amazônica, indicamos a leitura dos seguintes Blogs que acompanhamos:
O que fazer em Macapá: a capital do meio do mundo do blog 6 Viajantes
16 coisas para fazer em Belém do Pará do blog Família que Viaja Junto
Belém do Pará: Dicas dos pontos turísticos do blog Uma Senhora Viagem
Mochilão Amazônia: Roteiro e Dicas de Viagem do blog Caminhos me Levem
Saiba mais sobre a hospedagem da foto no texto Hotel: Anavilhanas Jungle Lodge, Hotel de Selva com Charme do blog Let's Fly Way.


Até a próxima Expedição em Família!

  1. Nossa muito bom esse conteúdo, amei.

    ResponderExcluir
  2. Estive a trabalho em Manaus há muitos anos e não conheci nada da cidade... que arrependimento! Estamos planejando uma viagem pela Amazônia e já reservamos alguns dias para conhecer Manaus.

    ResponderExcluir
  3. Nossa, que conteúdo riquíssimo! Realmente não sabia que Manaus tinha essa quantidade enorme de atrações. Adorei o post. Tenho muita vontade de conhecer Manaus e passear pela Floresta Amazônica.

    ResponderExcluir
  4. Gisele Prosdocimi20 de maio de 2020 11:21

    Sou tão fascinada para conhecer Manaus que já cheguei até a sonhar que
    estava lá, acredita? Hahahaha
    Parece piada, mas é verdade, agora com este post fiquei ainda mais
    interessada. Quanta história e atrações bacanas pra gente conhecer.
    Obrigada. Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Manaus realmente merece esse título de Paris dos trópicos. Quanta beleza de cidade em plena capital do deslumbrante e magnífico estado do Amazonas!! Raridade define tudo!! O blog esta excelente, quero muito conhecer estes lugares tão bem descritos!!!

    ResponderExcluir
  6. Amei seu post, acredita que ainda não fomos a Manaus? Fiquei apaixonada por ver como ela se parece mesmo com Paris, já quero ver isso pessoalmente! Parabéns pela postagem

    ResponderExcluir
  7. Sophia Catalogne22 de maio de 2020 18:36

    Conheci Manaus no Carnaval desse ano e fiquei encantada!
    Post super completo, Parabéns!

    ResponderExcluir
  8. Emmanuele Façanha23 de maio de 2020 07:11

    Meu pai morou muito tempo em Manaus e sempre fala da cidade. Já estava nos planos para 2021 e depois de ler esse post então, só aumentou a vontade!

    ResponderExcluir
  9. Seu post está muito completo. Antes de ir, todo mundo deveria lê-lo. A viagem vai ficar muito melhor. Adorei.
    Grande abraço,
    sonia pedrosa - @existe_um_lugar

    ResponderExcluir
  10. Meu sonho de destino no Brasil! Adorei conhecer um pouco de Manaus pelo seu post e já salvei as dicas.

    ResponderExcluir
  11. Tenho muita vontade de conhecer a capital amazonense ainda mais agora já sabendo que posso chegar com um roteiro Manaus : o que fazer. Acho que vou amar o Teatro Amazonas, o Mercado Municipal, o MUSA, o Centro Cultural dos Povos. Lendo esse post fiquei com a certeza que a região norte do Brasil é muito rica e tenho muito a conhecer.Beijocas

    ResponderExcluir
  12. CINTIA ALBUQUERQUE11 de junho de 2020 20:41

    Linda a arquitetura desses prédios! Acho lindo esses palácios e centros culturais.. Esse museu indígena também é top.. Deve ser muito legal conhecer manaus..

    ResponderExcluir
  13. Nossa que post incrível. Ao mesmo tempo em que amei ler sobre Manaus, me senti envergonhada por tamanha desinformação. De fato é um lugar que quero conhecer mas não sabia de nada dessas atrações que você descreveu, e nem sabia do apelido de antiga “Paris dos trópicos”. Nosso Brasil é imenso. Muita coisa para conhecer.

    ResponderExcluir
  14. Eu sou doida pra conhecer Manaus! Parabéns pelo post super completo sobre o que fazer na antiga “Paris dos trópicos”. Vou salvar tudo pra quando for visitar! Espero que seja em breve! Abraços!

    ResponderExcluir
  15. Sou super suspeita de falar em Manaus. Morei lá por quase 10 anos e o lugar é fascinante. Até hoje as pessoas pensam que lá só tem índios . Oh.. ledo engano . A cidade é uma aula de cultura e história. E a incrível história do Teatro Amazonas ? Ainda apresenta as marcas dos saltos das mulheres no piso do salão....e as cachoeiras de Presidente Figueiredo ? Imperdível. Amei o post ele é valioso . Parabéns !!

    ResponderExcluir
  16. Tenho muita vontade de conhecer Manaus e essa historia de Paris me surpreendeu, adorei saber dessa historia.otimo post :)

    ResponderExcluir
  17. Quero muito conhecer Manaus e não sabia que ela tinha essecodinome de "Paris dos trópicos". Quantos dias você sugere para ficar na cidade?

    ResponderExcluir
  18. A zona da Amazónia e de Manaus é uma das zonas que tenho mais interesse em visitar no Brasil. Gostava tanto de ir aí. Agora vai ter que esperar um bocadinho mas eu vou.

    ResponderExcluir

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search